Conhece-te a ti mesmo


Conhece-te a ti mesmo





Esta frase na entrada do templo de Delfos,
 indica que a busca por respostas deve começar dentro de cada um.

Mas esta busca não é algo fácil. As vezes o mergulho para dentro de si mesmo é justamente a tarefa mais penosa, pois o autoconhecimento pode levar o indivíduo a confrontar-se justamente com aquilo que tenta dissimular a todo custo para si mesmo.

O autoconhecimento exige a remoção (pelo menos provisória) das máscaras, das armaduras, das fantasias, das ilusões, dos delírios dos deleites. Exige silêncio. Um silêncio psíquico.

O caminho é tortuoso, como a subida de uma montanha, mas o prêmio é valioso: o autoconhecimento proporciona uma sabedoria imensa, um reencontro consigo mesmo.

Vale a pena fazer este exercício.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A dificuldade de relacionamento

A banalização do amor

amores pesados

Os erros mais frequentes na comunicação social

Perguntas frequentes

Perdas, abandonos e solidão

Psicologa online.

08 fatores que dificultam um relacionamento

Quando a Psicoterapia Funciona

Sentimentos: o que são e como compreendê-los

Postagens mais visitadas deste blog

A dificuldade de relacionamento

A banalização do amor

Como lidar com a raiva